Com o tema “Ritmos e Danças Juninos” o VIII Festival Folclórico da Escola Social Clélia Merloni, que aconteceu neste dia 07 de junho de 2015, foi um verdadeiro sucesso. Essa festa que já é tradição trouxe belíssimas apresentações, prestigiando os pais e toda comunidade de Florestópolis. Nossos educandos apresentaram diversos ritmos e estilos de músicas, dentre eles o Forró, Xaxado, Pop, Baião, Carimbó, Catira e Sertanejo. O “forró” é um dos ritmos de dança do Brasil conhecidos mundialmente, típicos da Região Nordeste, é praticado principalmente nas festas juninas. O “Xaxado” é uma dança popular brasileira que diferentemente do xote, não é encontrada em todo o Brasil, mas sim característico da região nordeste do Brasil e presente em todas as festas dessa região. O “Pop,” esse ritmo musical é muito importante faz com que apresentemos o estilo do folclórico brasileiro de uma forma bem descontraída e espontânea. O “Baião” é um gênero de música e dança popular da região Nordeste do Brasil. A temática do baião é o cotidiano dos sertanejos e das dificuldades da vida dos tais, como na canção "Asa Branca" que fala do sofrimento do sertanejo em função da seca nordestina. O “Carimbó” é uma dança de roda do litoral do Pará. No Brasil a dança se espalhou também pela Região nordeste do Brasil fazendo muito sucesso nas festas juninas. A "Catira", que também pode ser chamada de cateretê, é uma dança do folclore brasileiro, em que o ritmo musical é marcado pela batida dos pés e mãos dos dançarinos. A coreografia da catira apesar de parecer semelhante varia bastante em determinados aspectos, havendo diferenças nítidas de uma região para outra. Normalmente é apresentada com dois violeiros e dez dançarinos. O “sertanejo” é o gênero musical mais apreciado em todo o país. Esse estilo, que é muito parecido com o country norte-americano, tem origem no interior de estados como Goiás, Minas Gerais e São Paulo. Hoje é o sertanejo universitário que tem ganhado espaço nas rádios e nas festas juninas de todo país. Além de muitas danças, tivemos comidas típicas, como: acarajé, pastel, chá de amendoim, crepe, cachorro quente, maça do amor, bolos, e entre outras delícias. E além das apresentações tivemos um grandioso bingo que descontraiu e premiou os participantes. Agradecemos a todos que ajudaram e contribuíram para que essa festa acontecesse, pois, o VIII Festival Folclórico foi um verdadeiro sucesso. Que Jesus e maria com sua infinita bondade os retribua com muitas bênçãos. Confira acima algumas fotos desta grande festa!